ALAGOAS

Respeito ao povo capelense! Governador Renan Filho anuncia que construirá Centro Cultural de Capela onde antes existia o antigo Farinheiro

655
Respeito ao povo capelense! Governador Renan Filho anuncia que construirá Centro Cultural de Capela onde antes existia o antigo Farinheiro

Reportagem: Williamis Tavares

Um prédio público que não exite mais fisicamente, mas que nunca apagou da memória do seu povo as grandes histórias do passado, voltará a viver os seus dias de glória e refletirá a alegria de todos. Ele já foi palco de deslumbrantes apresentações culturais, mas num passado próximo teve a sua “vida ceifada”, com a sua demolição. As palavras são poucas para descrever o real valor do “Antigo Farinheiro”, que tanto contribuiu com as alegrias da nossa população.

Mas este 13 de janeiro de 2017 não será lembrado apenas pela grande obra a ser realizada pelo Governo do Estado em Capela. Durante o seu discurso, na manhã desta sexta-feira, no município, ao lado do prefeito Adelminho Calheiros, o governador Renan Filho deu outra excelente notícia às famílias capelenses: construir um Centro Cultural no mesmo local onde antes havia o prédio do Antigo Farinheiro.

A notícia foi bastante comemorada por todos e o prefeito Adelminho. “Tudo isso demonstra a preocupação do governador com a cultura da nossa terra. O prédio do Farinheiro será reconstruído e fará parte do calendário de comemoração dos 200 anos de Alagoas. Governador Renan, estamos muito felizes com este anúncio e em nome de todo o povo capelense, gostaria de agradecer o senhor por esta enorme conquista. Sem dúvida, juntos, seguiremos trabalhando de maneira compromissada com os interesses da população”, declarou o prefeito.

Após o término do evento pela manhã, na Praça Central, o governador Renan  Filho visitou o ateliê dos artistas e artesãos João das Alagoas, Sil e Nena e parabenizou a arte de cada um deles. O governador Renan destacou que Capela é referência nacional no tocante ao artesanato.

Acompanhado do prefeito Adelminho, o governador também visitou o Caldinho do seu Nilton, outro ponto que faz parte da história cultural de Capela.